mulher com cabelos soltos

Saiba como prevenir e cuidar de cabelo quebradiço

O nosso cabelo é bem resistente, mas não é raro que, em algum momento da sua vida, ele se quebre. Isso é até comum. O problema maior é quando o cabelo se torna quebradiço por um longo período de tempo. Aí é preciso entrar em ação para descobrir a causa e realizar os tratamentos essenciais para devolver a resistência, a vitalidade e a elasticidade típicas de um cabelo forte e saudável.

Para recuperar o cabelo quebradiço e garantir a força e nutrição dos fios é preciso adotar uma série de cuidados capilares diários, que vão desde a lavar as madeixas com os produtos corretos até seguir um cronograma capilar personalizado, passando pela escolha ideal do melhor tipo de pente ou escova, e evitar deixar a cabeleira presa por muito tempo. No artigo de hoje vamos explicar tudo o que você precisa saber para evitar e tratar do cabelo quebradiço.

O que é um cabelo quebradiço?

O cabelo quebradiço é aquele no qual os fios estão se quebrando por completo. Mas isso só acontece de maneira frequente e constante se os seus cabelos estiverem muito danificados. Sem os nutrientes essenciais, como água, lipídios e proteínas, o cabelo tende a sofrer mais com as agressões externas do clima e de procedimentos estéticos capilares.

Com isso, a fibra de cabelo fica tão frágil que perde a resistência e a elasticade e, portanto, se quebra com facilidade seja na hora de pentear, de lavar, secar ou prender. E quando o cabelo se quebra também é comum que se perceba a queda capilar. No entanto, cabelo quebradiço e queda de cabelo, ainda que quase sempre sejam condições que andam juntas, são problemas bem diferentes.

Qual a diferença entre cabelos quebradiços e queda de cabelo?

Como vimos, quando ocorre a quebra do fio se tem a sensação de que a queda dos cabelos aumentou. Mas o contrário nem sempre é verdade: não necessariamente quando ocorre a queda capilar o fio se quebra. Em geral, a queda capilar ocorre quando o bulbo do cabelo, que é a parte que fica na raiz, se desprende do couro cabeludo. Com isso, o fio de cabelo cai por inteiro.

No entanto, quando o cabelo se quebra o bulbo permanece fixado ao couro cabeludo. Ou seja, no caso do cabelo quebradiço, o fio não se solta por inteiro. Ao contrário, ele se parte em dois ou mais pedaços. Outra diferença é com relação aos motivos que levam à queda de cabelo e à quebra.

Em geral, a queda capilar ocorre devido a problemas de saúde como estresse, depressão, falta de nutrientes, entre outros. Já as razões para o cabelo quebrar podem ser ainda mais amplas. É o que veremos a seguir.

Cabelo quebradiço: quais são as causas?

As razões para o cabelo ficar quebradiço são várias, mas as principais são as agressões de agentes externos que danificam a estrutura da fibra capilar como, por exemplo:

  • Exposição prolongada aos raios solares, poluição, vento, cloro e umidade
  • Uso exagerado de ferramentas de calor, como secador e chapinha
  • Aplicação constante de procedimento químicos capilares: tintura, progressiva e relaxamento

Vale ressaltar ainda que alguns tipos de cabelo são menos resistentes a esses fatores que podem causar a quebra do fio de cabelo. É o caso do cabelo fino e dos cacheados e crespos. No caso dos cabelos crespos e cacheados a fragilidade é maior por conta da estrutura do fio. A curvatura em espiral dificulta que a oleosidade produzida pelo couro cabeludo percorra o comprimento do fio e, com isso, o cabelo é naturalmente mais seco e desidratado. 

No entanto, também é possível destacar alguns maus hábitos que podem tornar o cabelo quebradiço, independentemente da sua espessura e curvatura. São eles:

  • Secar os cabelos com a toalha enrolada na cabeça
  • Usar o pente ou a escova errada para desembaraçar o seu tipo de cabelo
  • Ficar muito tempo com o cabelo amarrado, seja em um rabo de cavalo seja em coque
  • Dormir com os cabelos ainda molhados
  • Secar, alisar ou modelar os fios úmidos com altas temperaturas
  • Não adotar uma rotina de cuidados capilares preventiva para manter a hidratação e nutrição dos fios em dia.

Como identificar o cabelo quebradiço?

Não é tão difícil saber que o cabelo está danificado. Basta sentir a textura do fio, que costuma ficar mais áspera, e notar algumas características como: falta de brilho, excesso de frizz, pontas duplas.

Mas no caso do cabelo quebradiço - assim como ocorre com o cabelo poroso - é possível fazer um teste simples e rápido: o teste de elasticidade. Siga o passo a passo:

  1. Pegue um fio de cabelo úmido
  2. Estique bem
  3. Se o fio se romper com facilidade isso significa que o cabelo pode se tornar quebradiço em breve

Como evitar um cabelo quebradiço?

Na maioria dos problemas capilares, a melhor forma de evitar os danos e efeitos negativos é focar na prevenção. E não precisa gastar horas e muito dinheiro com isso, não. Basta um pouco de organização e dedicação. O primeiro passo é adotar um estilo de vida saudável, com uma alimentação natural e balanceada, uma boa ingestão diária de água e redução do estresse com momentos de atividade física, de lazer e descanso.

Além disso, nós reunimos uma lista de cuidados capilares que você pode incluir no seu dia a dia para evitar cabelos quebradiços. Confira:

  • Lavar corretamente os cabelos: Primeiro com um shampoo indicado para o seu tipo de cabelo, seguido de uma máscara de tratamento e finalizando com um condicionador.
  • Enxáguar com água fria ou morna: Ainda que pareça óbvio, nem todo mundo segue essa dica à risca. E a verdade é que a água quente danifica bastante os fios. Então, fuja dela. E nunca deixe resíduos de shampoo, máscara e condicionador nas madeixas.
  • Aplicar um leave-in: O leave-in ou creme sem enxague é funcional para manter a hidratação e ainda ajudar na hora de desembaraçar os fios, evitando a quebra. Escolha um de acordo com o seu tipo de cabelo e não exagere na quantidade aplicada.
  • Escolher bem o pente ou a escova de cabelo: A forma e o espaçamento entre as cerdas têm influência direta na integridade da fibra capilar, por isso, escolha bem o pente ou a escova. E sempre comece a pentear as madeixas a partir das pontas para reduzir a quebra dos fios.
  • Secar corretamente os cabelos: Evite a toalha de algodão, que causa atrito nos fios. Prefira uma toalha de microfibra. E, se for usar o secador, mantenha uma boa distância entre o aparelho e os cabelos e sempre aplique um protetor térmico antes.

Como recuperar cabelos quebradiços?

Agora, se no momento os seus cabelos já estão bastante quebradiços é hora de partir para um tratamento de recuperação. O ideal em casos assim é sempre procurar um dermatologista para lhe ajudar no processo. Mas você também pode realizar alguns tratamentos em casa mesmo. Veja os mais importantes:

1. Hidratação: Lembra que, entre o shampoo e o condicionado, é recomendado usar uma máscara de tratamento? Pois é aí que entra a hidratação. E você nem vai precisar gastar horas com isso. Basta aplicar uma máscara indicada para cabelos quebradiços, aguardar o tempo indicado na embalagem e finalizar como de costume. O ideal aqui, no entanto, é criar uma rotina e realizar a hidratação pelo menos duas vezes na semana até que os fios se fortaleçam, parem de quebrar e voltem a ficar mais brilhosos e macios.

2. Nutrição: Nos dias em que você não fizer a hidratação é importante continuar com o tratamento. Para isso, vale intercalar com a etapa da nutrição. Existem várias máscaras de nutrição disponíveis no mercado, mas você também pode fazer a umectação capilar, com a aplicação de óleos vegetais nas madeixas. De toda forma, é a nutrição que irá repor os óleos perdidos e que garantem a oleosidade natural e tão importante para a saúde capilar.

3. Reconstrução: Essa é a terceira e última etapa do tratamento do cronograma capilar. É a reconstrução que irá devolver as proteínas ao fio de cabelo, em especial a queratina. Mas como se trata de uma etapa mais potente, você apenas deve realizar esse tratamento a cada 15 dias ou uma vez no mês.

4. Selagem: Por fim, nós separamos uma dica extra, que não faz parte do cronograma capilar, mas que é essencial para a saúde dos cabelos quebradiços. Tratamos aqui da etapa que irá selar as cutículas do fio, que é a camada externa que protege a fibra capilar. Com a selagem, todos os nutrientes dos tratamentos acima conseguem ficar por mais tempo dentro do fio de cabelo. Para isso, basta escolher a melhor técnica de fechar a cutícula para o seu cabelo.

Concluindo…

Cabelos quebradiços são o pesadelo de muitas mulheres. E também um sinal de que algo está errado. Em geral, a quebra segue acompanhada da queda capilar, mas esses dois são problemas distintos. Enquanto na queda o fio cai por inteiro, na quebra o fio se parte em vários.

Para evitar cabelos quebradiços é importante ter um estilo de vida saudável e sempre repor nutrientes importantes. Isso pode ser feito ao lavar e secar corretamente os fios, pentear com o acessório ideal e de modo a evitar a quebra do cabelo, além de evitar o excesso de ferramentas de calor e procedimentos químicos nas madeixas.

No caso de cabelos que já estão quebradiços, o tratamento deve ser feito com a ajuda de um especialista aliado ao cronograma capilar que envolve a hidratação, nutrição e reconstrução dos cabelos com produtos adequados para tratar esse problema.

Alise sem danificar os cabelos

Entrega eficaz

Acompanhe seus pedidos do começo ao fim e receba sua encomenda no prazo combinado.

Inscreva-se para receber nossas novidades

Promoção, novos produtos e ofertas.
Diretamente na sua caixa de entrada.