Leve até 50% OFF + FRETE GRÁTIS!Cupom: 'AMOR' - somente 500 disponíveis! 🏃‍♀️💨

Pesquisar

Procurou, achou :)

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Como fazer um cronograma capilar personalizado: O guia definitivo para 2022

    Mulher com toalha na cabeça fazendo tratamento capilar

    Se você é uma apaixonada pela Basiqe Sleek, já deve saber: a nossa escova alisadora funciona muito mellhor, garantindo um liso muito mais natural e brilhoso, se o seu cabelo estiver saudável e forte. Para isso, nós já explicamos que escolher um protetor térmico capilar adequado para o seu tipo de cabelo é uma etapa essencial antes de usar a Basiqe.

    Mas não basta apenas proteger os fios do calor. Se você quer um liso duradouro, brilhoso, com movimento e menos frizz, é preciso cuidar das madeixas no dia a dia. E, para isso, nós criamos um guia completo para explicar tudo sobre como fazer um cronograma capilar personalizado. 

    O que é cronograma capilar?

    O cronograma capilar é um tratamento completo, que hidrata, nutri e restaura os cabelos danificados e fracos, mantendo-os fortes e saudáveis. E o bom é que esse tratamento vale para todos os tipos de fios. Mas não é por isso que o mesmo cronograma capilar serve para qualquer cabelo.

    É preciso personalizar o tratamento de acordo com a necessidade cada fio, seja ele ressecado, tingido ou oleoso, seja ele um cabelo danificado pelo excesso de calor ou de procedimentos químicos.

    Mas, de modo geral, o cronograma capilar deve ser realizado semanalmente, em dias intercalados e durante a lavagem dos cabelos. Cada etapa agirá, através de máscaras e cremes, repondo a perda de algum nutriente essencial para manter os cabelos fortes e saudáveis. A ordem e a quantidade de cada etapa vai depender da necessidade de cada cabelo.  

    Quais as etapas de tratamento do cronograma capilar?

    O cronograma capilar é feito assim: lava-se o cabelo com shampoo, em seguida aplica-se a máscara, seja ela de hidratação, nutrição ou reconstrução e, então, finaliza-se com o condicionador.

    E isso costuma ser feito, como vimos, em dias intercalados, preferencialmente com intervalo de 48 horas entre cada etapa. Para entender melhor cada etapa, veja a descrição detalhada de cada uma abaixo:

    1. Hidratação

    Não há quem não conheça essa etapa. Até porque é no processo de hidratar os cabelos, com cosméticos que tenham agentes hidratantes, que ajudamos o fio a repor a água que ele perde e, com isso, combatemos o ressecamento dos fios. E, você sabe, um cabelo bem hidratado tem mais brilho, movimento e menos frizz.

    Mas a verdade é que o ressecamento do cabelo é mais comum do que se imagina. Sol em excesso, secador e chapinha em altas temperaturas, cloro e procedimentos químicos são alguns dos fatores que contribuem para que o cabelo perca água e fique ressecado.

    Para evitar isso, e recuperar o fio desidratado, é importante investir na primeira etapa do cronograma capilar: a Hidratação. Aqui, deve-se usar cosméticos com agente hidratantes como D-pantenol, aloe vera, glicerina, entre outros.

    2. Nutrição

    Na etapa da nutrição, os cosméticos utilizados nos cabelos atuam para repor os lipídios, que nada mais são do que os óleos naturais que protegem o fio capilar, mantendo o cabelo alinhado e as cutículas seladas.

    Para fazer a nutrição do cronograma capilar opte por produtos que tenham óleos capilares naturais como o óleo de coco, óleo de rícino, óleo de argan, manteiga de karité, entre outros. Mais uma vez, o principal agente que remove os óleos do cabelo é o calor excessivo de acessórios como secador e chapinha.

    Por isso, vale lembrar: foi justamente pensando nisso, que a Basiqe Sleek desenvolveu a tecnologia de níveis de temperatura. Com ela, você consegue controlar a temperatura, tanto para atingir o liso ideal quanto para proteger o fio do excesso de calor.

    Além disso, como a Basiqe alisa mais rápido, por conta do sistema de 25 placas divisórias, você acaba usando menos a escova alisadora, o que, por consequência, protege o fio do excesso de calor, evitando a perda de água e de óleos.

    3. Reconstrução

    A última etapa do cronograma capilar é a reconstrução. Não à toa, esse tratamento é o mais intenso dos três e, por isso, é recomendado principalmente para quem está com o cabelo poroso e quebradiço. Essa etapa também é feita com intervalo maior e em menos vezes ao longo do ciclo de um mês.

    Na reconstrução, a ideia é restaurar a fibra capilar com a reposição de proteínas, como a queratina. Por isso, escolha cosméticos que tenham em sua lista de ingredientes, além da própria queratina, o colágeno, a arginina, a creatina e etc.

    Quantas vezes na semana devo fazer o cronograma capilar?

    O cronograma capilar oficial, ou pelo menos aquele mais conhecido e divulgado, deve ser feito em três dias da semana com, pelo menos, 48 horas de intervalo entre uma etapa e outra. No entanto, também existe o cronograma capilar de 2x na semana.

    Para você não ficar confusa, funciona assim: Se o seu cabelo estiver muito maltratado e danificado é importante iniciar o cronograma capilar personalizado de 3x na semana. Com isso, você vai lavar os cabelos três vezes por semana para aplicar as máscaras de tratamento durante o banho.

    Essa rotina deve durar até que você perceba que o seu cabelo está totalmente recuperado, mais forte e com aspecto mais saudável. No entanto, os primeiros resultados do tratamento podem começar a ser notados logo após a primeira semana de tratamento.

    Mulher segurando mecha de cabelo danificado

    Se o seu cabelo estiver muito danificado, o melhor é iniciar o tratamento de 3x na semana. (Fonte: Sherise VD/ Unsplash)

    Mas, de modo geral, o processo de recuperação de um cabelo danificado por meio do cronograma capilar pode levar até 6 meses. Depois desse período, ou quando você sentir que o seu cabelo já está recuperado, é hora de aumentar o intervalo entre uma etapa e outra.

    É aí que pode entrar na sua rotina o cronograma capilar de 2x ou até de 1x por semana. Nesse último caso, o cronograma capilar vai funcionar apenas como uma manutenção, já que os seus cabelos já estarão bem fortes e hidratados.

    Cronograma capilar: como saber do que meu cabelo precisa?

    O primeiro passo para iniciar um cronograma capilar é descobrir o seu tipo de cabelo e saber avaliar o estado atual dele. Por exemplo, um cabelo ressecado fica opaco, sem brilho, sem movimento e tem um toque áspero. Nesse caso, o cabelo precisa de muita hidratação.

    Já cabelos arrepiados, com muito frizz, ou que embaraçam com facilidade, estão carentes de óleo. Por isso, vale investir na nutrição. Enquanto que em situações nas quais os cabelos passaram por procedimentos químicos, os fios estarão mais frágeis e porosos. É hora, portanto, de focar na reconstrução.

    Além disso, existe outra forma de descobrir o estado do seu fio capilar. Tratamos aqui do teste da porosidade. Veja como fazer:

    • Encha um copo transparente com água filtrada;
    • Pegue um fio de cabelo, sem puxar, e coloque dentro do copo;
    • Espere 3 minutos;

    Após esse período, observe onde o fio de cabelo está localizado dentro do copo:

    1. Na superfície: Se o fio ficou boiando na superfície, ele está desidratado.
    2. No meio: Se o fio se manteve boiando no meio do copo de água, ele está hidratado, mas precisa de nutrição.
    3. No fundo: Agora, se o fio afundou, isso significa que o seu cabelo precisa de uma reconstrução.

    Como criar um cronograma capilar personalizado?

    Com isso em mente, é hora de fazer o seu cronograma capilar personalizado. Para isso, é preciso saber quantas vezes você deve repetir cada etapa do cronograma no ciclo de um mês. 

    Em geral, quando o que mais o seu cabelo precisa é de hidratação, o ideal é fazer sete hidratações no mês. O mesmo vale para a etapa de nutrição do cronograma capilar.

    Já a frequência da reconstrução precisa ser reduzida, mesmo que essa seja a principal necessidade do seu cabelo. Como ela é mais potente, ela deve ser feita de uma a duas vezes por mês. Agora, isso significa que você irá realizar apenas a etapa que seu cabelo mais precisa? Não!

    Você deve sempre realizar as três etapas do cronograma capilar. Mas sabendo a que mais os seus fios necessitam, você vai conseguir criar um cronograma capilar personalizado no qual a etapa de maior destaque vai ser aplicada mais vezes. 

    Veja a seguir três exemplos de cronogramas capilares personalizados de acordo com a necessidade do cabelo, seja ela de receber mais hidratação, nutrição ou reconstrução:

    Hidratação

    Semana 1: Hidratação, nutrição e Hidratação
    Semana 2: Hidratação, Hidratação e nutrição
    Semana 3: Hidratação, nutrição e Hidratação
    Semana 4: Hidratação, nutrição e reconstrução

    Nutrição

    Semana 1: Nutrição, hidratação e Nutrição
    Semana 2: Nutrição, Nutrição e hidratação
    Semana 3: Nutrição, hidratação e Nutrição
    Semana 4: Nutrição, hidratação e reconstrução

    Reconstrução

    Semana 1: hidratação, nutrição e hidratação
    Semana 2: hidratação, nutrição e Reconstrução
    Semana 3: hidratação, nutrição e hidratação
    Semana 4: hidratação, nutrição e Reconstrução

    Concluindo….

    O cronograma capilar é uma forma de tratar os cabelos em casa. Primeiro, você identifica as necessidades do cabelo e, então, você cria um cronograma capilar personalizado, que pode ter três focos: hidratação, nutrição e reconstrução. Para cada etapa deve-se usar máscaras de tratamento com ingredientes específicos, seja para repor a água, os óleos ou as proteínas.

    De modo geral, o cronograma capilar é realizado 3x na semana, intercalando cada etapa. Mas, com o tempo, à medida que o cabelo se recupera, deve-se reduzir a frequência do tratamento, podendo aplicar as etapas 2x na semana e até uma vez.

    escova que alisa cabelo