Leve até 50% OFF + FRETE GRÁTIS!Cupom: 'AMOR' - somente 500 disponíveis! 🏃‍♀️💨

Pesquisar

Procurou, achou :)

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

    Pontas duplas e ressecadas no cabelo: Como evitar e acabar com elas?

    Mulher com cabelos voando e pontas ressecadas

    Eis o maior pesadelo capilar das mulheres: as pontas duplas e ressecadas no cabelo. E é difícil encontrar alguém que não tenha passado por isso. Além de comprometer a estética do cabelo em si, porque não é nada bonito, as pontas duplas e ressecadas ainda são um forte sinal de que suas madeixas não estão fortes e saudáveis como deveriam estar.

    Mas se você pensa que cortar os cabelos é a única solução para acabar com as pontas duplas e ressecadas, se engana. Tanto é possível evitar que elas surjam, como é possível minimizar seus efeitos com o tratamento adequado. Vamos a eles?

    O que são pontas duplas no cabelo e como elas surgem?

    Sabe quando você analisa bem de perto as pontas do cabelo e percebe que o fio não está alinhado, ao contrário, ele está ressecado e aberto? Pois bem, essa é a temida ponta dupla. O nome também entrega: no final do fio capilar, a ponta, ao invés de continuar inteira e fechadinha, acaba se bifurcando, geralmente, em duas pontas. Mas, como veremos ainda neste artigo, não existe apenas um tipo e formato de ponta dupla.

    De todo modo, as pontas duplas surgem devido a um desgaste da fibra capilar que danifica a cutícula, que é aquela camada externa protetora do fio. Com isso, a cutícula se abre e deixa os fios fragilizados e mais suscetíveis à quebra, ao frizze ao ressecamento, abrindo espaço também para a formação das pontas duplas. Esse desgaste no fio de cabelo, que leva às pontas duplas e ressecadas, pode ser causado por diversos fatores, entre eles os mais comuns são:

    • Processos químicos, como tintura, relaxamento e progressiva;
    • Processos mecânicos, com o uso excessivo de ferramentas de calor como secador, babyliss e chapinha, sem proteção térmica;
    • Fatores externos, como sol, vento e cloro;
    • Falta de tratamento capilarregular e adequado para o seu tipo de cabelo.

    Quais são os tipos de pontas duplas no cabelo?

    Como a gente já disse, as pontas duplas mais conhecidas são aquelas no qual a ponta se divide em duas. Mas a verdade é que existem vários tipos de pontas duplas. Identificar qual delas acomete o seu cabelo pode ser importante para que você possa aplicar o melhor tratamento, seja em casa, seja no salão de beleza com o auxílio de um profissional. Veja a seguir as características dos 4 tipos mais comuns de pontas duplas e ressecadas no cabelo:

    1. Mini ponta dupla: Quando a ponta dupla ainda é muito sutil, com uma leve e pequena bifurcação, é sinal de que você deve agir rápido para evitar um ressecamento maior nos cabelos. Comece evitando o uso de ferramentas de calor, aplicando shampoo, condicionador e máscara adequados para o seu tipo de cabelo, investindo em uma boa hidratação quinzenal e nada de esfregar os fios na hora de secar os cabelos com a toalha. Por fim, aposte em leave-ins e óleos reparadores de pontas para conter o avanço das pontas duplas.
    2. Ponta dupla tradicional: Esse tipo de ponta dupla é o que mais conhecemos: o fio se divide em dois nas pontas do cabelo. Aqui, o sinal já é mais claro: os fios precisam de nutrição e hidratação para que ocorra a reposição de água e lipídios e a reverção do ressecamento.
    3. Ponta tripla: Também conhecida como ponta garfo, esse tipo se caracteriza pelo fio que se separa em três pontas. Nesse caso, a saúde capilar está ainda mais frágil, já que o fio pode quebrar com mais facilidade. O ideal para reverter esse problema, portanto, é investir em um bom corte de cabelo e em um cronograma capilar personalizado.
    4. Ponta dupla árvore: Aqui o seu cabelo está muito mais danificado, já que as pontas duplas tomaram até mesmo o comprimento do fio. Então, se o seu cabelo apresenta essa característica é hora de recorrer a um bom profissional que irá indicar o tratamento ideal.

    Como evitar as pontas duplas no cabelo?

    Ainda que seja possível tratar as pontas duplas sem cortar o cabelo, a verdade é que não é tão fácil assim. Por isso, o melhor mesmo é evitar que elas apareçam. Para isso, é importante ter em mente as causas das pontas duplas e ressecadas, como já vimos neste artigo.

    Uma delas, por exemplo, está relacionada a fatores externos devido à ação do clima sobre as madeixas. E, ainda que seja impossível conter esses fatores, como vento e sol, é possível aumentar a camada de proteção dos cabelos. Uma boa saída é investir em finalizadores como o protetor solar, os cremes de pentear e óleos, que contém ingredientes que irão proteger os fios da ação de agentes externos como o sol, o vento, poluição, entre outros.

    Agora, para evitar as pontas duplas e ressecadas no cabelo decorrentes de  procedimentos químicos e mecânicos, vale seguir as dicas de especialistas que separamos para você. Dá uma olhada:

    • Atenção na lavagem: Você sabe que tem um jeito certo de lavar os cabelos para evitar o ressecamento, o frizz e as pontas duplas? Pois é. Quando você aplica os produtos ideais para o seu tipo de cabelo, na ordem certa e lava corretamente as madeixas, você evita danos nos cabelos e fortalece a saúde da fibra capilar.
    • Protetor térmico sempre: Ainda que o melhor seja não abusar de ferramentas de calor nos cabelos, seja secador, Basiqe Sleek, babyliss ou chapinha, para evitar pontas duplas e ressecadas, a verdade é que dá sim para usá-los sem causar tantos danos. Primeiro, não use temperaturas muito altas e, segundo, sempre aplique um protetor térmico antes.
    • Tratamentos regulares: Se você mantém a hidratação e a nutrição dos fios como uma prática regular na sua rotina de cuidados capilares, a chance de as pontas duplas e ressecadas aparecerem nos seus cabelos serão muito menores. E isso vale, especialmente, para quem tem cabelo quimicamente tratado ou cabelos crespos e cacheados que costumam ser mais secos.
    • Penteie corretamente: Até mesmo a forma como você penteia os cabelos pode reduzir o surgimento de pontas duplas e ressecadas. Pensando nisso, o ideal é sempre pentear o cabelo de baixo para cima, começando a desembaraçar primeiro as pontas. Isso vai evitar nós ao longo do fio, que podem acabar quebrando a fibra capilar e as pontas.

    Como acabar com pontas duplas e ressecadas no cabelo alisado?

    Vamos supor que você aboliu o uso da chapinha e do secador e, agora, quando quer um cabelo liso e cheio de movimento, você usa a sua escova alisadora da Basiqe. Daí, após um certo tempo, você começa a perceber o surgimento de pontas duplas. Isso pode ocorrer? Sim, principalmente se você não usar Basiqe corretamente.

    Isso porque a escova alisadora foi projetada para alisar os cabelos causando muito menos danos a eles. E isso é possível porque, primeiro, Basiqe não esmaga os fios como a chapinha, ela desliza suavemente pela mecha. E, segundo, porque você pode regular a temperatura ideal para o seu tio de cabeloevitando o calor excessivo, principalmente, se o seu cabelo já estiver danificado e fragilizado. Além disso tudo, Basiqe só pode ser usada nos cabelos já secos, o que evita danos graves à estrutura capilar.

    Então, se você seguir direitinho a forma de usar Basiqe, as chances de surgirem pontas duplas e ressecadas serão mínimas. No entanto, se elas aparecerem, nossa recomendação é investir pesado na reconstrução capilar, uma das etapas do cronograma capilar.

    Como tratar pontas duplas em cabelos crespos e cacheados?

    Você já sabe que os cabelos crespos e cacheados são naturalmente mais secos e isso vale para as pontas também. Isso ocorre porque o formato em espiral dificulta que a oleosidade do couro cabeludo percorra o comprimento do fio chegando até as pontas.

    Por isso, também é comum que apareçam nós no comprimento e pontas duplas nos cabelos crespos e cacheados. Assim, mais uma vez, é importante criar uma rotina de cuidados que incluem a hidratação e a nutrição dos fios para repor a água, os lipídios e os outros nutrientes que irão acabar com o ressecamento e as pontas duplas. E os cremes de pentear também reforçam esses cuidados, porque atuam como uma hidratação extra ao longo do dia.

    Finalizando…

    Todo mundo já teve um dia as temidas pontas duplas e ressecadas no cabelo. Elas são um claro sinal de que o seu cabelo está fraco, sem hidratação e nutrientes importantes. E, ainda que o corte seja uma estratégia eficaz para acabar com elas de vez, a verdade é que evitar as pontas duplas e ressecadas ainda é a melhor opção.

    Para tanto, independentemente do seu tipo de cabelo, evite o uso excessivo de secador e chapinha. Mas, se for usá-los, opte por temperaturas moderadas e sempre aplique um protetor térmico antes. Observe também a forma como você lava, seca e penteia as madeixas. Dependendo de como você faz isso, as pontas duplas e ressecadas podem surgir com mais agressividade.

    Além disso, invista em hidratação, nutrição e reconstrução capilar, tratamentos que vão manter os fios fortes e saudáveis e impedir o surgimento de pontas duplas e ressecadas. Essas três etapas do cronograma capilar valem também para quando as pontas duplas já estiverem instaladas.

    Compre sua escova alisadora aqui!